quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Despedidas são tristes!

Estou com meu coração apertado desde o inicio da semana.

Dudu irá mudar de escola no ano que vem. Atualmente, ele vai para a escola à tarde, e na parte da manhã fica na casa da avó. Por N motivos, resolvemos que chegou o momento de deixa-lo por período integral na escola. A atual, não oferece tal opção.

HOJE é o último dia de aula do pequeno.

Ontem recebemos da escola um DVD com diversas fotos da turminha dele. A cada foto, ele dizia o nome do coleguinha.
Penso que talvez, ele nunca mais veja nenhum daqueles rostinhos. Crianças que o acompanharam por quase 1 ano inteiro da vida dele. Idem às professoras (quem em diversas fotos, davam colinho à ele). E ele ficou tão empolgado com as imagens que começou a insistir para ir à escola, naquela hora... (umas 20:00h)

Ontem tentei falar sobre o assunto (não sobre nunca mais vê-los, mas sobre a mudança da escola) com ele.  Falei sobre a mudança, a cor do novo uniforme, o nome da nova professora, que a Tia (minha irmã) e a Dinda dele também trabalham lá, que fará novos amiguinhos... e ele demonstrou-se animado com toda essa novidade. Semana que vem terá a adaptação na escola nova, e o levarei... Aí conto a reação dele.

Mas estou me sentindo triste, com dó... Seria muito melhor ele continuar com a escola que ele adora, os amiguinhos que ele tanto brinca...
Todos os dias que o levo até lá, ele mal se despede de mim e corre para entrar. É nítida a alegria dele em estar naquele espaço, com aquelas pessoas. Será que na outra será assim?

Sinto como se hoje fosse MEU último dia de aula, e meu coração dói.... Uma dor que não é minha, e ele nem entende o que está acontecendo, e talvez isso me faça ficar ainda mais triste. Se entendesse, eu o tranquilizava... mas não. Acabo tomando a dor para mim.

Bobeira de mãe? Deveria estar me sentindo assim?

Sei que ele fará novos colegas, e lá há a possibilidade dele ficar até terminar o segundo grau... (nossa..... quanto tempo... hehe). Além do que, na atual escola, ele teria que fazer novamente o Maternal II, pois ele entrou adiantado. Então não acompanharia os mesmos colegas, e veria mais uma vez o mesmo conteúdo. Seria no mínimo chato.... (olha que eu não havia pensado por esse lado.... hmmmmmm..... : D )

Então hoje é a despedida dos pequenos. Regada à buffet de sorvete e amigo secreto... o primeiro do pequeno... owmmmm.....

Enfim... tudo tem os dois lados, não!?
Vou ver como será esse dia, e procurarei tomar menos as dores dele <espero>.

Beijinhos com vontade de tomar sorvete... hummmmm

7 comentários:

Um Sonho......de areia, tijolo, pedra e cimento. disse...

Fer, não se preocupe tanto, criança se acostumam mais fácil que a gente, logo ele vai ter um monte de amiguinhos novos e vc vai ver se se preocupou a toa. Beijinhos!!!

diasadois disse...

Oi Fer,

Eu não tenho filhos, mas acho que essa sensação é normal. Mas é como você falou, tudo tem seus lados, então com certeza ele vai aprender coisas novas e fazer mais amizades. No final vai contribuir pra ele ser um adulto mais seguro! Apenas fique de olho... nunca é demais, né?!

Beijocas

Apto dia a dia disse...

Fer, eu não tenho filhos, mas fui professora e o que vc tá sentindo é normal, tenho certeza q vc sentiu esse medo qdo colocou ele na 1ª escola.
É um medo seu, medo do novo, medo do que ele vai enfrentar, e pelo q vc disse, ele mesmo não tem noção dessa mudança... ainda mais com a tia na mesmo escola, com ctz ele será bem cuidado e se adaptará tão rápido qto o seu sofrimento passe...

Amiga, fique bem... tudo vai dar certo!!!

bjoooo
Fer

ps: acabei de tomar um sorvete... hehehe

Eli Martins disse...

Fer, não tenho filhos mas acompanho minha afilhada de 3 anos. Tudo que minha irmã aha que poderá causar estresse na pequena não causa.
O primeiro dia de aula, o dia no dentista..., eles tem uma capacidade incrível de se adaptar, que bom se os adultos fossem assim rssr.

Mas devo imaginar seu coração apertado. Vai ver, no final do dia ele vai te contar tudo como foi e dará tudo certo.
Bjs

Liz disse...

Fer, fique tranquila. Ainda não tenho filhos, mas percebo que as crianças se adaptam com muito mais facilidade que nós. O Dudu vai ficar feliz na nova escola. Beijos

diasadois disse...

Fer,

Como essa dúvida outras pessoas estão tendo, vou fazer um post a respeito tá?!

Beijocas

Deborah disse...

Oiii, Fer!
Eu não sou mãe, mas como filha posso dizer que, muitas vezes, nossa mãe sofre muito mais por nós que nós próprios!! Hehehe
Relaxe, a mudança é necessária e tenho certeza que o Dudu vai adorar a nova escola, vai fazer novos amiguinhos rapidinho.
E sobre não ver mais os amiguinhos antigos, sugiro que você pegue o contato dos pais dos mais próximos e marque algumas tarde de brincadeiras, para manter a convivência...
Você vai ver, tudo vai dar certo! ;)
Abraços!